sábado, novembro 22, 2008

Nunca poderia durar...

.

Pablo Picasso
.
.
.
"... é impossível fundar uma civilização sobre
o medo, o ódio e a crueldade.
Nunca poderia durar."
.
.
.George Orwell

2 comentários:

Hipatia disse...

Em relação a este seu post, duvido que Mia Couto precise do crédito pelas minhas pobres palavras, originalmente postadas aqui, retomadas aqui com algumas variações para um concurso e novamente postadas, ainda com outra forma, aqui. De Mia Couto é apenas a epígrafe que encima o post.

Maria Lisboa disse...

Hipatia,

Obrigada pela chamada de atenção. O seu a seu dono. O poema já está inscrito com o seu nome. Peço desculpa. Pensei-o de Mia Couto... talvez porque o tivesse encontrado como sendo dele.

Não fica a dever-lhe nada. Aceitei-o como dele, embalada na musicalidade dos seus textos. Diferente da poesia conhecida, mas como a maioria dos seus poemas eram de quando era mais novo, poderia ter escrito este mais recentemente, na linha da sua prosa.

De qualquer forma, é um poema muito bonito e as suas palavras nada têm de pobres :)